Total de visualizações de página

quinta-feira, 3 de maio de 2012

PARA VOCÊS VINICIUS DSE MORAES

MInhas nubentes para vocês, o poetinha imortal Vinicius de Moraes Antes de ler o bilhetinho da minha filha honorária Janaína, puxando minha orelha, recebi telefonema do avô da ANTONELLA. Ele reinando plenamente feliz, porque é pai de duas meninas,achou que tinha me acordado.Ledo engano, claro que estava desperta desde as 5h da madrugada; o que mudou minha voz não foi Morfeu e sim as lágrimas.Resolvi ler com olhos ternos de ver, mais uma vez, a Antologia poética.Naquele exato instante estava me emocionando, e como não sou egotista,transcrevo, em homenagem as mães de hoje e para as mães de amanhã, um pedacinho do objeto da minha emoção: "FILHOS Se não o temos, como sabê-los. Como saber que macieza dos seus cabelos Que cheiro morno na sua carne Que gosto doce na sua boca QUE COISA LOUCA QUE COISA LINDA QUE OS FILHOS SÃO. Minha criatura, minha poesia, êxtases máximos de paixão." Tenham uma quinta totalmente lilás.

Um comentário:

Janinha disse...

Aeee...Vinicius sempre Vinicius...desculpe pelo puxão de orelha, mas a saudade dos seus posts e de você é claro, é imensa...tanta coisa acontecendo im my life e eu querendo dividir com vc...quando tiver um tempinho na agenda, vamos marcar um lanchinho por aí? Beijossss, um ótimo fds!!!